radicais livres como eles afetam sua pele

Os radicais livres são moléculas instáveis produzidas pelo nosso organismo com uma característica própria: um elétron a menos. Isso significa que eles buscam outras moléculas do nosso corpo para se ligar: gerando novos radicais livres. Mas o que isso tem a ver com a estética?

A gente vai te explicar nesse post!

O que são radicais livres?

Também conhecidos como agentes oxidantes (guarde essa informação porque vai fazer todo sentido depois), os radicais livres são essas moléculas altamente instáveis e reativas produzidas pelo nosso próprio organismo. E elas são importantes para vários processos metabólicos como a fertilização, a geração de energia e a ativação de genes.

Seu surgimento ocorre de duas formas:

#1. Através de fatores internos (o que chamamos de radicais livres endógenos) como o próprio ato de respirar, a alimentação e o estresse;

#2. Por meio de fatores externos (os radicais livres exógenos) como, por exemplo, a radiação, a poluição e maus hábitos alimentares.

Afinal, os radicais livres são ruins?

Não necessariamente. O problema é quando há um excesso de radicais livres no nosso organismo. Em equilíbrio, eles favorecem os processos de que estávamos falando. Mas, quanto há muitos radicais livres no nosso organismo, eles podem ter consequências bem ruins.

Por terem um elétron a menos, elas procuram sempre se ligar a outras moléculas do nosso organismo. Mas não são quaisquer moléculas. Eles têm preferência por dois tipos em especial: as de DNA e as da membrana plasmática.

Dessa forma, quando há um desequilíbrio muito grande, sua influência no DNA pode acabar causando (em longo prazo) doenças degenerativas como o Alzheimer e o Parkinson.

E na estética, qual a influência dos radicais livres?

Principalmente na pele. O estresse oxidativo causado pelos radicais livres acelera o processo de envelhecimento natural da pele – causando rugas, linhas de expressão e flacidez.

Uso de antioxidantes ajudam a combater os radicais livres que provocam o envelhecimento da pele.

E por que isso ocorre? Porque proteínas como o colágeno também podem ser afetadas por essa produção aumentada dos radicais.

Como combater os radicais livres?

A boa notícia é que nosso próprio organismo tem uma ação de defesa para equilibrar essa quantidade de moléculas instáveis. São enzimas também produzidas naturalmente e que tem o poder antioxidante. As mais conhecidas são a Catalase, a Superoxidesmutase e a Glutationa Perocidase.

Mas nem sempre essa ação natural é o suficiente. E é aí que tratamentos estéticos podem ajudar (e muito) com algo que a cosmetologia tem de sobra: antioxidantes.

Como agem os antioxidantes?

Lembra que os radicais livres também são conhecidos como “agentes oxidantes”? Então: os antioxidantes agem para reduzir ou inibir de vez a ação deletéria (prejudicial) dos radicais livres.

Os principais ativos que dão esse poder antioxidante aos cosméticos são o beta-caroteno, o resveratrol, a vitamina A, a Vitamina E, a Vitamina C e o Zinco. Por isso, se você prestar atenção na fórmula de cosméticos profissionais para o tratamento de rugas e linhas de expressão, por exemplo, vai encontrar alguns desses ativos lá.

3 cosméticos antioxidantes para combater o envelhecimento

1. Nano Vita C

Como dissemos, a Vitamina C é um importante antioxidante para o organismo e, associada ao Ácido Hialurônico e ao Nano Resveratrol promovem uma máxima ação antioxidante e antiaging.

Por isso, o Nano Vita C é perfeito para:

  • O combate às rugas e às linhas de expressão;
  • Uma ação cicatrizante e restauradora da epiderme;
  • Efeito iluminador e de clareamento;
  • Técnicas de microagulhamento e micropuntura.
Nano Vita C é um importante cosmético com antioxidantes para o combate aos radicais livres.

2. Nano Tônica

Essa é uma loção tonificante que usa o Zinco e o Extrato de Maracujá para uma ação antioxidante enquanto outros 17 ativos ajudam com que seja uma loção perfeita para:

  • Higienizar a pele;
  • Reestabelecer o PH fisiológico da pele;
  • Hidratar e restaurar o tecido; e
  • Acalmar a pele nos pós-procedimentos.

3. Nano Hydra Max

É uma máscara ultra-hidratante para uso profissional. Sua fórmula possui Vitamina C a 20%, Nano Resveratrol e Vitamina E para uma extrema ação antioxidante e de proteção da pele contra a radiação solar. (O que, claro, não exclui a necessidade de usar protetor!).

Com 24 ativos naturais, a máscara é ideal para:

  • Procedimentos para o rejuvenescimento;
  • Peles que necessitam de hidratação, maciez e renovação do tônus;
  • Um estímulo natural do colágeno; e
  • Resultados de firmeza e elasticidade da pele.

E aí, entendeu porque os antioxidantes são tão importantes para a estética? Quer conhecer mais os produtos indicados? Clique aqui e confira descontos especiais para profissionais!

E não deixe de seguir a RentalMed nas redes sociais porque é por lá que a gente posta todas as novidades e promoções que acontecem por aqui.

Até a próxima.

Facebook Comments